Menu do Blog
Era uma vez nos encontros na internet

Arquivos

 

Histórias de Sucesso

Uma pessoa especial do outro lado do mundo

Estou fazendo minhas malas. Em algumas horas vou para o aeroporto em direção a um país muito distante e muito diferente do nosso. Estou com um frio na barriga que nem posso descrever. Nunca viajei de avião. Nunca saí do país. Nunca havia conversado ou me encontrado com uma pessoa que conheci na internet. Nunca tinha apresentado nenhum namorado para minha filha ou minha mãe.
Sim, parece que esses últimos meses tem sido de experiências novas. E dá um medo, não é? Como quando criei meu perfil nesse site. Meu coração estava tão machucado e magoado que eu mal conseguia digitar meus dados ou preencher os formulários. E, depois disso, passei por algumas situações tristes e bizarras com algumas pessoas que conheci. Mas sempre mantive a esperança. Porque acredito no amor! E acredito também no poder da internet de unir as pessoas. E a intenet me proporcionou algo que agora tenho e que posso chamar de meu.
E você sabe o que eu tenho?
  • Aquela pessoa que sempre abre a porta do carro para mim;
  • Que sempre me beija me dando bom dia ou adeus;
  • Quem nunca se esquece de me elogiar;
  • Quem me manda as mensagens mais fofas;
  • Quem escreve agradecendo cada coisinha boba que eu faço;
  • Quem compra uma marca especial de vinho porque acredita que é o "nosso vinho";
  • Que manda um áudio ou uma mensagem de texto no momento perfeito;
  • Que separa para mim músicas que ele acha que eu vou gostar;
  • Quem promete nunca me machucar;
  • Quem segura minha mão enquanto estamos caminhando e se abaixa para beijá-la, como se isso não fosse nada demais;
  • Que sempre me tira o fôlego;
  • Que sabe exatamente onde me tocar ou beijar para me deixar louca;
  • Que amou minha filha na primeira vez que a viu.
  • Que virou amigo da minha mãe sem dizer uma palavra de português;
  • Que causou inveja em todas as minhas amigas;
  • Que me ama.
E eu não acredito que o que me foi oferecido foi de graça. Foi conquistado com esforço e exigirá esforço para ser mantido. Nunca irei achar que é algo que nunca perderei, independente de minhas atitudes. Esperei toda a minha vida adulta por algo assim. Aparentemente, a paciência é virtude, como dizem.
Todas as noites/meses/anos emq eu estive sozinha, os inúmeros dias em que desejava ser parte de algo maior do que eu, Deus tinha algo guardado mim. E era ele. E agora somos nós Parte de um plano maior.
Por isso acredito e prego que a felicidade está ao alcance das suas mãos. Ou melhor, ao alcance do seu clique. Você só precisa estar disposto procurar e se arriscar.