Menu do Blog
Era uma vez nos encontros na internet

Arquivos

 

Conselhos de Namoro

Meu amor em um pacote de miojo

Na semana passada me deparei com um texto na internet que falava sobre romantismo e sites de relacionamento. O texto me pareceu tão interessante que me peguei pesquisando sobre o assunto. Acabei descobrindo diversas perguntas soltas em grupos de perguntas. Uma delas comparava as relações atuais a um pacote de miojo. São feitas de forma rápida, mas não saciam a longo prazo. Confesso que a analogia me fez rir. O romantismo nos dias de hoje acabou? A falta de cartas e contatos mais físicos fez as pessoas quererem relações mais rápidas? Os sites de relacionamento realmente tiraram o romantismo das relações? O assunto me fez pensar tanto que resolvi escrever e colocar minha humilde opinião sobre ele.
Em primeiro lugar, o artigo que li já começava falando de forma depreciativa das pessoas que utilizam sites de relacionamentos. Ele falava que, com as facilidades da tecnologia, as pessoas não se davam mais ao trabalho de marcar encontros. Mais particularmente contava a história de uma moça que estava conversando com um rapaz em um site de relacionamentos. O rapaz comentou com a garota que queria sair com ela numa sexta-feira à noite. Entretanto, a moça só foi saber notícias dele quando recebeu uma mensagem às 22:00 perguntando se ela queria encontra-lo com alguns amigos.
O artigo então falava que pessoas que usam estes sites, por causa das facilidades, não se dão mais ao trabalho de serem românticas, de cortejar. Em relação a isso, tenho algumas coisas a dizer.
Só porque você conheceu alguém online, não significa que nenhum dos dois irá querer marcar um encontro de verdade. Pelo o que tenho aprendido em minhas aventuras online, se alguém quer sair com você, essa pessoa irá se esforçar para que isso aconteça. É claro que, no caso do artigo, o cara não estava interessado na moça. Todo mundo sabe que ele só queria sexo. Além disso, eu não me importo com encontros mais leves, só para se divertir. Acho muito mais divertido sair para fazer algo com alguém do que apenas conversar. Uma vez, uma amiga minha reclamou que foi a um encontro e o cara a levou para jogar paintball. Ela estava decepcionada. Eu teria adorado!
Portanto, a minha opinião é a seguinte: quer você conheça alguém online ou ao vivo, as chances de encontrar alguém legal ou um idiota são as mesmas. A internet e os sites de relacionamento são só uma ferramenta. Eles não são responsáveis pelo caráter das pessoas. Um cara que só quer sexo vai continuar só querendo sexo, independente de que meio use para consegui-lo.  Por isso, não acredito que os relacionamentos modernos sejam como pacotes de miojo. Acho que tudo depende do que você quer. Às vezes você só quer um miojo para saciar a sua fome. Às vezes você quer uma boa macarronada para saborear aos poucos. De qualquer forma, tudo depende do que você quer.
Mas vou parar por aqui. Toda essa analogia com comida me deixou com fome.